topo.php
Maio de 2019 - Nº 22    ISSN 1982-7733
Aqui você é o repórter
Dicas para escrever
Carta ao leitor-Eleições
Fale conosco
Arquivo JJ
Todas as edições do JJ
Especial Artes
Arte - Brasil séc. XX
Galeria virtual
Seção Livre
Palavra aberta
HQ e charge
Poesia
Crônica
Participe da enquete
International
Presentation
Open section
Contact us
Acompanhe
Livros e CDs
Escola
Como participar
 
 
Vancouver: O estilo canadense que conquistou o mundo!

Relato enviado por Aline Cristina Moreira Quintana
26 anos, bacharel em Ciências Contábeis, Contadora
São Paulo - capital


Vancouver - Canadá

Vancouver, eleita a melhor cidade do mundo, foi a que escolhi para os meus 30 dias de férias. Situada no extremo oeste do Canadá, é uma cidade moderna e multicultural, atualmente com 2,1 milhões de habitantes dentre eles: indianos, filipinos, franceses, alemães, espanhóis, iranianos, gregos, chineses e, é claro, brasileiros. Além disso, além de estar localizada ao litoral canadense, também está próxima a uma das mais famosas estações de ski do país.

Um pouco sobre a minha história

Atualmente, trabalho em uma empresa japonesa, em uma área internacional e já utilizo a língua inglesa como ferramenta de trabalho e comunicação. A idéia de ter uma vivência no exterior sempre foi desejada, mas o tempo escasso foi sempre um obstáculo. Com o apoio da empresa onde trabalho, surgiu a possibilidade de fazer um curso de intercâmbio, no entanto, havia uma condição para que o projeto fosse aceito: o curso deveria ser cumprido no período das férias. Em princípio, iria para os Estados Unidos, mas alguns contratempos me fizeram repensar e admitir outras opções. Foi então que após muita pesquisa, decidi que o Canadá seria o país que mais se pareceria comigo.

Vancouver - Canadá

A escolha

Optei então pelo pacote de 4 semanas, incluindo homestay, ou seja, pelos 30 dias ficaria hospedada em casa de família. E tudo foi praticamente perfeito: a minha família era canadense; um casal jovem, um lindo bebê e um menino muito esperto, além de duas estudantes, sendo uma mexicana e outra japonesa, as quais se tornaram grandes amigas minhas.

Ao longo dos 30 dias, trocamos experiências, falamos de nossas vidas, nossas culturas, sorrimos, choramos e creio que tudo isso ficou fortemente guardado dentro de nós, como uma verdadeira família.

A escola também me trouxe ótimas experiências. Como se tratava de uma escola não muito grande, tive a oportunidade de conhecer a maioria dos estudantes. Além disso, tentei participar das atividades após as aulas, o que incentivava a integração de todos.

Vancouver me deu a oportunidade de conhecer pessoas maravilhosas e construir grandes relações de amizade, que tenho a certeza de que irão perdurar para sempre. Além disso, ela também me fez refletir, rever meus valores, meus sonhos e principalmente, me encorajou a mudar.

Snonwboarding

A cultura, as atividades

A cidade possui várias opções de entretenimento, arte e cultura nas diversas estações do ano. Vancouver é famosa pelos seus parques, praias, estações de ski (em suas proximidades) e pelo acesso à cultura e à arte.

Este ano, uma famosa exibição está em cartaz no Science World – um espaço cultural sem fins lucrativos que tem como objetivo estimular atitudes positivas que contribuam para a ciência e tecnologia; chamada Body Worlds 3. Trata-se de uma mostra mundial de corpos plastificados doados ao projeto do Dr. Gunther von Hagens, médico anatomista. O projeto visa, através da plastificação de verdadeiros corpos humanos, disponibilizar ao público cada estrutura do corpo humano: órgãos, sistemas, tecidos, entre outros. A mostra também tem um caráter educacional, pois permite que jovens e crianças possam vivenciar todos os aspectos do corpo humano.

 
Pois é: intercâmbio!

Você já pensou nisso ou já participou de um intercâmbio?

Se já participou, que tal contar um pouco da sua experiência? Se não, vai ver como é legal ouvir as histórias de quem já fez!

Você pode ter dicas ótimas e assim contribur com quem está querendo programar um intercâmbio.
Clique aqui
para enviar seu texto para esta seção. Aguarde nosso contato.
 
 Copyright © 2005-2017 Jornal Jovem - Aqui você é o repórter. Todos os direitos reservados.